Shut Up

A boa educação manda – ou assim me ensinaram – que, quando um burro fala, o outro baixa as orelhas.

Se há falta de respeito que eu acho verdadeiramente inaceitável, é esta: interromper constantemente a pessoa que está a falar para se dar mais esta ou aquela opinião.
Imaginem o seguinte diálogo:

Burro 1 (B1) – No outro dia, estava eu…
Burro 3 (B3)escutando atentamente B1
Burro 2 (B2) – Ah é verdade, sabes que bla bla bla - porque na realidade a conversa é mesmo da treta e não tem qualquer interesse.
B3 - volta agora a atenção para B2
B1 – Mas estava a dizer que no outro dia…
B3volta a escutar B1
B2 – Epá, mas e depois … - e continua o bla bla bla
B3volta mais uma vez a atenção para B2

Já compreenderam o cenário, suponho.

Aqui, parece-me a mim, que a falta de educação até está na parte do Burro 2 e no Burro 3. Aliás o Burro 1 (aka Louise) nem sequer é burro nenhum, mas uma pessoa extremamente inteligente.

Muitos terão a sua opinião de como deverá agira o Burro 1. Mas, na minha opinião, a educação e sensatez manda que desista daquele diálogo – a não ser que estejamos a referir-nos a uma reunião profissional ou assuntos importantes que não apenas partilha de opiniões / experiências. Basicamente os interlocutores não merecem o esforço ou a nossa partilha seja do que for. Não me parece que o mais indicado seja continuar a fazer figura de otário(a) quando, claramente, do outro lado não existe receptividade ou interesse.
No que me diz respeito, é assim que se exclui pessoas da nossa roda de importância. Eu, pelo menos, aprendo rápido a lição.

E acho incrível como depois, são estes mesmos Burros que acabam por não compreender porque pessoa A ou B é sempre tão calada e reservada.

7 Diabruras:

S* disse...

Totalmente... saber ouvir é uma virtude.

Purple disse...

É deveras irritante, eu tenho um cuidado especial para não o fazer mesmo quando estou em pulgas para contar algo.

Agora a imagem que escolhes-te está-me a dar um nó no estomâgo...bha!

Beijinhu

Caia disse...

É típico! Acontece bem mais do que deveria...

Olhos Dourados disse...

Detesto quando me fazem isso!

Roxanne disse...

isso tem me acontecido um bocado frequentemente de mais!

Rafeiro Perfumado disse...

Extremamente inteligente e, permite-me acrescentar, piscinas de modesta! :D

Nesse caso, e se o burro 1 fosse este rafeiro, ouvir-se-ia algo do género:
- Sabes, Burro 3, a tua história faz-me lembrar a fábula da mosca e da aranha.
- Porquê?
- São ambas chatas...

Martini Bianco disse...

Dependendo das circunstâncias nem sempre podemos mandar o Burro 2 ou Burro 3 baixar a orelha, especialmente se for no trabalho, mas a nivel de círculo de amigos (mais dos conhecidos..) conheço gente assim, que se o assunto for quente, tanto não nos deixam terminar o nosso raciocínio como fazem algo que repudio veementemente que é o de começarem a falar mais alto e de se aproximarem demasiado do interlocutor gesticulando, um género de intimidação posicional, para poderem ter sempre, nem sempre a última palavra mas a que vai ecoar mais tempo naquele momento. Mas tenho a certeza que com o tempo, eliminamos esse tipo de gente à 2a ou 3a conversa.

Enviar um comentário

Agradeço desde já tudo* aquilo que o diabo dentro de ti possa ter para dizer...

*excepto tudo aquilo que o diabo dentro de mim não concordar

Related Posts with Thumbnails